Uma semana dedicada à saúde na Perforce

14/04/2021
Publicado por Matheus Ferrareze

Uma semana dedicada à saúde na Perforce

Como uma empresa que se preocupa com a saúde de forma integral, a Perforce aproveitou a celebração do Dia Mundial da Saúde (7 de abril) e realizou uma semana inteira de lives especiais.

Pautas importantes relacionadas à saúde foram tratadas por especialistas num bate-papo informal comandado pelo professor Matheus Farrareze, sócio da Perforce e doutor em Ciência do Movimento Humano.  Uma semana de conteúdo legal e muita interação.

Inaugurando a Semana da Saúde Perforce, a fisioterapeuta pélvica Cristiane Carboni falou sobre saúde da mulher, abordando temas que já foram considerados tabu. Dor pélvica, incontinência urinária, dor na relação sexual, foram alguns dos tópicos trazidos pela especialista. “Hoje, as mulheres estão falando um pouco mais sobre isso entre elas e com os profissionais de medicina e do movimento humano, o que tem contribuído para a solução desse tipo de problema. O tratamento da musculatura do assoalho pélvico está extremamente entrelaçado com a área da educação física.”

Felipe Duarte, fisioterapeuta que atua em reabilitação traumato-ortopédica desportiva e treinamento de eletroestimulação neuromuscular (EMS) de corpo inteiro há 12 anos, foi o convidado da live de terça-feira, 6/4. Ele esclareceu algumas dúvidas e mitos sobre a tecnologia EMS aplicada à atividade física, ressaltando a segurança articular proporcionada pela prática. O profissional, que também é professor na Perforce, falou sobre o uso da EMS no treinamento com pessoas idosas, respeitando suas particularidades. “É possível realizar o mesmo tipo de trabalho feito com pessoas mais jovens, regulando intensidades e correntes diferentes, customizando totalmente o treino”, apontou.

A EMS ampliou também sua participação na área da fisioterapia aplicada na terapia intensiva de doentes internados. O que era um desafio para os precursores do uso de “choques” em pacientes em coma 15 anos atrás, hoje é uma realidade cada vez mais presente. O fisioterapeuta Francimar Ferrari, terceiro convidado da Semana da Saúde Perforce, faz parte do grupo de profissionais que vivenciou a mudança de cultura da fisioterapia na terapia intensiva e que, nos últimos tempos, inseriu a EMS dentro das unidades de terapia intensiva (UTI). “Se não pensarmos fora da caixa (evidências científicas que respaldam as nossas práticas), nada de novo vai surgir”, argumentou. Em tempos de pandemia do coronavírus, Francimar tem confirmado o grau da reabilitação proporcionada pela EMS no pós-Covid. “A recuperação funcional, laboral e social é evidente. Isso é uma convicção, não uma percepção.”

Corpo-mente equilíbrio foi o tema do bate-papo com a convidada psicóloga Marcia Luconi Viana. Saúde envolve não apenas corpo, mas também o sentimento psíquico. Corpo e mente precisam estar interconectados e fazendo sentido. “Quem habita esse corpo em movimento é um sujeito e sua subjetividade, que é com os que os psicólogos trabalham. Hoje, não atuamos pensando apenas nas psicopatologias, estamos voltados para a ciência da saúde em geral, ou seja, o bem-estar”, comentou. Márcia chamou a atenção para a situação que se vive hoje, com a privação do convívio social, e que certamente está influenciando no equilíbrio corpo-mente. “Nós nos constituímos nas relações. Enquanto sujeitos sociais, a pandemia intensificou nossos medos e incertezas diante do futuro. O que você está inventando para lidar com essas emoções que podem produzir maior sofrimento?”, questionou, incentivando a reflexão.

Encerrando a Semana da Saúde, o Dr. Guilherme Bassols, cirurgião com área de atuação em cirurgia bariátrica, trouxe o tema da inatividade física, obesidade e Covid-19. O especialista abordou o conceito da obesidade como uma doença multifatorial, com uma origem genética, consolidada por algum gatilho surgido durante a vida. Para o cirurgião, a Covid-19 mostrou que se vive uma pandemia dentro de outra pandemia. “A pandemia da qual vamos sair piores é a da obesidade. Em torno de 40% dos nossos pacientes estão voltando mais obesos em decorrência da inatividade”, relatou. Ele conta que as UTIs cheias de pessoas jovens fazem compreender a complexidade da relação Covid x obesidade. “Está muito claro para nós, médicos da área, que é menor o risco de fazer uma cirurgia bariátrica agora do que deixar o paciente aguardando e ele pegar Covid.”

Esse breve resumo de cada tema abordado durante a Semana da Saúde Perforce é para deixar você com vontade de saber mais. A íntegra das entrevistas está disponível em nosso canal do IGTV, no Instagram. Passa lá!

Matheus Ferrareze

Matheus Ferrareze

O Matheus é cofundador e diretor técnico da Perforce! Mestre em Ciências do Movimento Humano e doutor em Eletroestimulação Neuromuscular de Corpo Inteiro pela UFRGS, ele conta com mais de 7 anos de experiência na Eletroestimulação. Além disso, é consultor técnico da miha Brasil e o responsável por formar mais de 500 profissionais especializados em EMS.